Astrologia Preditiva – Teste 130

Posted on 2 de março de 2007

7


esquilo-ansioso.jpg

O maior problema com testes é a ansiedade da resposta…

O astrólogo australiano Dymock tem como prática a realização de testes. Não são testes bobinhos que tem a pretensão de “provar” a astrologia, ou então de ser o “Provão” da astrologia, e sim de desafiar as pessoas a tentar prever um evento documentado, de pessoas com data de nascimento bem estabelecida. Ele dá os dados da carta natal, às vezes algumas informações básicas, e o teste em geral é adivinhar o que aconteceu numa certa data. Às vezes os testes são bobos ou muito específicos, relativos a coisas muito pequenas na vida das pessoas. Dymock parte do principio que podemos adivinhar quando uma pessoa vai tomar choque elétrico, eu não !

Mas, como o desafio desse mês é interessante, eu convidei o Ricardo Fligue e o Rodolfo Veronese, para, se tiverem tempo, cada um fazer sua interpretação do evento, explicitando sua técnica favorita. Notem por favor que o objetivo não é uma competição, mesmo porque com 3 astrólogos e 5 alternativas, não seria muito justo ! (Apesar de que a experiência mostra que a resposta certa tem bem menos [às vezes bem mais]do que os 20% esperados pela sorte !)

O objetivo assim é mostrar como um astrólogo raciocina para tentar achar uma resposta que não conhece, ao mesmo tempo que os três aproveitam para ver a técnica dos outros. Como disse, não sei se eles vão ter tempo para isso, mas espero que sim, porque pode ser interessante, e nenhum dos três tem egos superdenvolvidos que não aceitam o erro.

Se alguém quiser participar, basta colocar sua resposta nos comentários, enviar para o dymock brose, ou simplesmente escrever em algum lugar e mandar o link pra cá, ok ? Quem acertar ganha um livro eletrônico de astrologia antiga 🙂

Teste 130

O teste 130 de Dymock Brose envolve um homem nascido no Rio de Janeiro ( não escolhi esse teste por ser brasileiro !) em 16 Outubro de 1937 às 15:50. O mapa se encontra abaixo. teste-130.jpg

Um evento importante aconteceu na vida desse homem, no Rio de Janeiro em 6 de Novembro de 2003:

  1. Ele perdeu seu trabalho.
  2. Sua casa pegou fogo.
  3. Sofreu uma cirugia.
  4. Sua parceira o deixou.
  5. Foi preso por tráfico de cocaína.

Início da Análise: Aconteceu algo ?

Como já dissemos antes sobre a Revolução Solar, a primeira etapa pra analisar o mapa natal é saber se algo importante ocorreu. Na grande maioria dos anos, nada de grandiloquente acontece, e continuamos na mesma tendência, boa ou ruim, de antes. Nesse caso, a primeira coisa que me salta aos olhos é que o ascende da RS está exatamente coincidente ao ascendente de nascimento. Outra indicação da importância do ano é o trânsito do nodo lunar pelo Ascendente Progredido, que está em 24 de Touro.

Natureza do ano: positiva ou negativa ?

Nesse teste em especial, a natureza do evento não ajuda a distinguir, já que todas as opções são desagradáveis… mesmo assim ajuda a começar. A profecção, que é uma técnica de mudar o ascendente ao ritmo de um signo por ano, chega ao signo de virgem, oposto ao ascendente. Aqui há duas maneiras de se ver o regente da profecção, pelos gregos seria mercúrio, regente de virgem. Mercúrio está em Libra, signo que tem aversão a virgem, o que é um mal sinal para os gregos. Para os árabes o senhor da profecção seria vênus, que está natalmente nesse signo. Na RS Vênus está em exílio na 8a casa, nada muito tranquilizador. Nenhum planeta está nos ângulos da RS.

 

rs-teste-130.jpg Revolução Solar na roda interior e mapa natal na exterior. Clique no ícone para aumentar.

No total, Virgem está aspectada por dois benéficos corruptos, além dos dois maléficos, está em aversão a mercúrio, e está oposta ao ascendente da RS. Nada disso dá uma boa impressão do ano. Com o regente do ascendente (Júpiter) cadente e em exílio em virgem, e a Lua no mesmo signo que Saturno, as indicações gerais não são boas.

Eliminando H2

A hipótese H2 (sua casa pegou fogo) me parece a mais fácil de eliminar. Mercúrio é o significador da casa 4 (casa). Mercúrio não está fazendo aspecto com marte (acidentes, fogo), que por sinal está num signo de água ! Mesmo os transaturninos urano (acidentes inesperados) e plutão estão na carta sem fazer nada de especial com mercúrio. Além disso, na Revolução Lunar anterior ao evento, mercúrio está em signo de água.

Eliminando H5

Apesar da hipótese H5 (foi preso por tráfico de cocaína) me parece ser “folclórica” demais pra ser tomada a sério, mas mesmo assim necessita ser eliminada. Para alguém ser preso, esperamos indicações disso no mapa natal. Júpiter, regente do ascendente está elevado na décima, e apesar de estar exilado, sequer está em contato com o regente da 12 (prisão), que está retrógrado na 1a. Isso torna muito difícil que seja encarcerado durante sua vida. Na RS, Júpiter está cadente e se aplica a Saturno, mas não acredito que isso resulte em encarceramento.

Ainda estou em dúvida entre as outras três opções, então darei minha opinião depois.

Artigos Relacionados

Anúncios