As Firdarias dos Países

Posted on 9 de junho de 2007

2


eua.jpg

Em um artigo anterior falamos sobre as Firdarias. A firdaria é uma das técnicas de “senhores do tempo” ou seja, planetas que regem um período de tempo, a partir de uma carta astral.

Vejamos um exemplo. Em todas as cartas temos marte. Mas em algumas cartas marte rege a casa 10 (carreira), em outras a casa 12 (doenças, prisão). Durante um certo período da vida de todos, marte “assume o controle” daquele período, e vai trazer os seus assuntos para o palco. Mas no caso de uma pessoa esses assuntos vão girar em torno de sua carreira, e para outra vão se concentrar em coisas como hospitalização.

Mas os países também tem sua própria firdaria, e é interessante reconhecer esse instrumento esquecido de previsão. Vamos nos concentrar aqui especificamente no “Grande Satã”.

A propósito, acho que o plural de Firdaria é “Firdar” mas estou com preguiça de verificar se é isso mesmo, então fica “firdarias”.

Em que ano nasceu os EUA ?

Como já discutimos em “Que país é esse ?“, e em “Os EUA foram fundados em… 1789?”, para a astrologia tradicional mundana, a melhor data para se entender os EUA enquanto uma dinastia ou império formado, é através da posse do primeiro mandatário, após assinada a constituição, evento que aconteceu em 1789.

Para termos uma carta mundana adequada, pegamos o evento cósmico mais importante do ano, ou seja, o ingresso do sol no signo de áries, que acontece por volta de 20 de Março, do ano de 1789.

As Firdarias dos países.
Do mesmo modo que podemos usar a firdaria para prever a vida das pessoas, podemos usar a firdaria mundana para os países. Apenas a série que os planetas se alternam é um pouco diferente. Essa informação foi ensinada por Steven Birchfield na lista de discussão Interpres Stellarum.

As Firdarias pessoais começam sempre pelo Sol (nascimentos diurnos) ou pela Lua (nascimentos noturnos). Mas, antes que alguem pergunte, a carta de fundação do país não é uma carta de nascimento, pelo simples motivo que um país não “nasce”, essa é apenas uma metáfora barata.

Assim, a partir da fundação de um imperío ou dinastia, se atribuiu os planetas da firdaria exatamente na ordem caldeica, ou seja, primeiro Saturno, depois Júpiter, etc, sendo que cada um vai reger um período fixo de anos:

  • Saturno – 11 anos
  • Júpiter – 12 anos
  • Marte- 7 anos
  • Sol- 10 anos
  • Vênus- 8 anos
  • Mercúrio- 13 anos
  • Lua – 9 anos
  • Nodo Norte- 3 anos
  • Nodo Sul- 2 anos

A História dos EUA

Sem fazer uma análise da carta dos EUA, é impossível chegar a um tipo de conclusão, mas mesmo assim queria apontar um dado curioso, que são os períodos em que os nodos norte e sul assumem a regência dos EUA.

A Guerra Civil norte americana – O conflito entre o Sul escravagista e de economia agrária, e o Norte, que implantava uma burguesia industrial e urbana, resolveu-se após a eleição de Abraham Lincoln, em 1860, com os estados do Sul declarando sua retirada da confederação. É necessário lembrar que os EUA não eram um país, e sim uma união de estados separados, algo parecido com o Mercosul e a Europa Unificada.

Em resposta à separação, Lincoln declarou guerra aos Estados rebeldes, começando a Guerra Civil. O fato é que nenhum poder suporta ser dividido, então as declarações e os papéis assinados simplesmente foram pelo espaço. Até hoje as crianças americanas aprendem que a Guerra Civil foi a luta “para acabar com a escravidão. Sim, é claro. E Tiradentes foi o herói do povo, etc.

Em 1859 os EUA entram na Firdaria do Nodo Norte. Em 1862 entram na Firdaria do Nodo Sul e a guerra já está declarada e em pleno vapor, só sendo resolvida em 1865, logo após o início da Firdaria de Saturno.

Essa foi a primeira vez que os EUA entraram na Firdaria dos Nodos.

A Grande depressão

Em 1929, durante a firdaria imediatamente anterior, da Lua, os EUA sofreram o grande crash da Bolsa de Valores. Os Estados Unidos ficaram em recessão até praticamente 41, com a segunda guerra mundial incentivando sua economia. Note que o perído mais grave da recessão, de 34 a 37, foi na firdaria dos Nodos, e a recessão só melhorou já na Firdaria de Saturno.

Essa foi a segunda vez que os nodos regeram os EUA.

Quando é a próxima passagem dos Nodos ?

Em 2000, os EUA elegeram (?) a George W. Bush, representante da extrema-direita cristã, dos capitais multibilionários e dos Cheerleaders masculinos. Em 2000 começou a firdaria da Lua, antecessora dos nodos.

Além de uma guerra frustrada e rídicula, nos últimos anos Bush filho jogou fora grande parte do poderio americano. Suas ameaças de invasão se tornaram tão ridículas que nem mesmo Chavez tem medo dele, quanto mais a Coréia do Norte ou o Irã. Os Estados Unidos sofrem um deficit duplo, uma de crédito, e outra na balança de importação-exportação.

Uma maneira de se entender isso é pensando que quase tudo que os americanos consomem está sendo produzido em outros países, como China e India. A espiral de consumo “incentiva a economia”, mas em compensação os americanos estão endividados: agora não tenho as estatísticas à mão, mas algo como mais de metade dos americanos tem em dívidas 2 anos inteiros de salário.

Esse déficit está sendo alimentado pelos Japoneses, que colocaram suas poupanças nos EUA, e pelos Chineses. Japão corre o risco de ter as aposentadorias de seus cidadãos desvanecendo-se, e por isso pode tirar o seu dinheiro a qualquer momento. E cada vez que a china fala que vai mudar sua política monetária, o dólar cai a níveis espetaculares. Um comentário mais profundo sobre isso pode ser encontrado com o astrólogo e economista Robert Gover.

Quando a bomba vai estourar ? Impossível dizer, mas meu palpite é que em 2009 os EUA vão entrar novamente na Firdaria do Nodo Norte, e aparentemente estamos no mesmo padrão de sempre. A crise começa a aumentar durante a firdaria da Lua, estoura durante os Nodos e só vai ser superada durante a firdaria de SAturno, que só entra em vigor em 2014.
Artigos Relacionados

Anúncios